Melhore sua concentração com este exercício simples

São 9 da manhã, você está cheio de energia e está resolvendo sua primeira tarefa em sua lista de tarefas. Assim como você está apenas começando a entrar em um estado de fluxo , seu telefone vibra. Um amigo acaba de lhe enviar uma mensagem pedindo para você ir ao cinema hoje à noite.

Uma longa conversa começa para decidir o filme que vocês vão ver juntos. Uma coisa levando a outra, você se encontra no Youtube assistindo a trailers por uns bons 15 minutos.

São quase 9h30, você reservou seus ingressos de cinema, mas ainda não fez nenhum progresso em seu trabalho….

Você volta a se concentrar em sua tarefa com um pequeno sentimento de culpa. Você diz a si mesmo que todo esse tempo poderia estar trabalhando em vez de planejar sua noite.

Alguns minutos se passam e você é novamente interrompido, mas desta vez por um e-mail de um cliente. Este lhe pede algo aparentemente “urgente”. Você se sente compelido a respondê-lo imediatamente. Então você gasta vários minutos procurando as informações que ele precisa e escrevendo uma resposta para o e-mail dele, então clica em enviar.

São 10h15 e você ainda não completou sua primeira tarefa. Você está muito atrasado. Desta vez está decidido, você não vai deixar nada te distrair pelo resto do dia. Você então coloca seus fones de ouvido para se isolar e escolhe uma playlist no Spotify.

Como você deseja uma lista de reprodução motivadora para trabalhar, você gasta vários minutos procurando a música de que precisa. Ao pesquisar, você se depara com um artista que não conhecia. Você gosta muito do estilo dele e decide fazer uma pesquisa no Google para saber mais sobre ele.

mulher concentrada
mulher concentrada

Agora são 11:10 da manhã e você está se perguntando para onde foi o tempo…

Quantas vezes nos distraímos assim todos os dias? Quantos minutos/horas essas distrações nos fazem perder? E quanto tempo perdemos refocando cada vez que dispersamos?

Quando deixamos nosso ambiente controlar nossa atenção, não apenas perdemos tempo, mas também perdemos eficiência.  

Ao reagir à menor vibração, toque ou notificação, nunca deixamos o espaço necessário para nos concentrarmos efetivamente em nossas tarefas e projetos.

Se queremos avançar de forma eficaz e realizar projetos que são importantes para nós, devemos aprender a “fortalecer” nossa concentração .

Neste artigo, veremos um exercício simples para melhorar nossa concentração no dia a dia. Para fazer este exercício, você só precisará de uma caneta e um caderno.

Por que melhorar sua concentração

“ Nossa capacidade de trabalhar intensamente, ou seja, evitando todas as distrações, está se tornando tão rara quanto útil para nossa economia. Como resultado, as pessoas que cultivam essa habilidade vão prosperar enquanto outras lutam para encontrar o equilíbrio .” — Cal Newport

Estamos agora no meio de uma guerra de atenção. Empresas como Google, Facebook, Apple, Netflix gastam hoje centenas de bilhões de euros para capturar nossa atenção. O que significa que, se não decidirmos conscientemente onde investir nossa atenção, essas empresas decidirão por nós. 

Ao melhorar nossa concentração diariamente, desenvolvemos uma melhor resistência às distrações diárias. Ficamos menos confusos com um telefone tocando, uma notificação que aparece ou um e-mail que recebemos. E é aqui que a mágica acontece.

Quando somos capazes de ignorar essas distrações e manter o foco por tempo suficiente, desenvolvemos ideias inovadoras, pensamos profundamente nos problemas para melhor resolvê-los, memorizamos melhor o que aprendemos e enriquecemos nosso pensamento em geral.

Então, como exatamente ignoramos essas distrações? Como melhorar sua concentração?

Isto é o que veremos agora.

Como melhorar sua concentração

Há muitas maneiras de melhorar nossa concentração. Você pode meditar, fazer ioga, usar aplicativos que eliminam as distrações… 

Entre esses diferentes métodos, há um exercício muito simples que melhora nossa concentração enquanto mede nosso desempenho ao longo do tempo.

Para este exercício, você precisará de um caderno e uma caneta (certifique-se de tê-los com você sempre que trabalhar).

mesa de trabalho

Comece escrevendo cada hora do dia no lado esquerdo da sua página (não é necessário escrever todas as horas do dia, apenas escreva as horas que você trabalha).

rotina

Ataque seu dia como faria normalmente ao trabalhar em sua primeira tarefa. 

Naturalmente, à medida que você começa a trabalhar, as distrações aparecerão como de costume (e-mails, mensagens, ligações, notificações, solicitações…).

Assim que você perceber que sua atenção está vagando e você se encontra nas redes sociais, respondendo um e-mail ou saindo no Youtube, por exemplo, desenhe um ponto no horário correspondente. Por exemplo, se você conversar 10 minutos no Messenger entre 8h e 9h em vez de fazer seu trabalho, desenhe um ponto.

rotina começada

O ponto que você desenhar servirá como sua âncora. Ou seja, toda vez que você desenhar, você saberá automaticamente que se distraiu e é hora de voltar ao trabalho.

Quando seu dia terminar, você saberá exatamente quando se distraiu.

rotina terminada

O objetivo é, claro, tirar o mínimo de pontos possível.

Se você fizer o exercício com seriedade, verá o seguinte fenômeno ocorrer após um certo número de dias:

Você verá cada vez menos pontos em suas páginas.

O que torna esse exercício tão eficaz é que, ao desenhar esses pontos, você materializa suas distrações. Eles não são mais momentos abstratos que aconteceram em algum momento do dia que você lembra vagamente. Você literalmente acompanha cada momento em que se distraiu, o que realmente ajuda você a se conscientizar disso.

Cada ponto em suas páginas é como olhos olhando para você e lembrando-o de manter o foco.

Alguns aplicativos, como Rescue Time ou Timing , também permitem que você fique ciente do tempo perdido todos os dias. Esses aplicativos medem o tempo que passamos em cada aplicativo e site durante o dia e nos dão o tempo exato durante o qual nos distraímos.

No entanto, notei que simplesmente desenhar pontos em uma página é uma maneira muito mais eficaz de manter o foco. É um método ativo (você tem que pegar sua caneta e desenhar um ponto) enquanto os aplicativos de rastreamento são passivos. Eles não envolvem nenhuma ação de nossa parte e giram em segundo plano enquanto trabalhamos.

___

Para concluir, mesmo que este exercício pontual possa parecer trivial, ele funciona. Basta aplicá-lo por vários dias para ver os efeitos. Experimente você mesmo e ganhe uma vantagem significativa em um mundo que tende a ser cada vez mais perturbador.

Explorando o Gamebucks: Transformando Opiniões em Inovação Gamer

O Gamebucks, uma criação visionária do programador brasileiro Carlos, celebrado como o Elon Musk...

Guia Essencial para Escolher a Agência de Marketing Digital Perfeita para o Seu Negócio

O marketing digital tornou-se uma ferramenta indispensável para empresas que buscam se destacar no...

Técnico Mecânico Hidráulico: Um Guia Completo Sobre a Profissão

A carreira de Técnico Mecânico Hidráulico é uma das mais fundamentais no setor industrial...