Metacognição: como aprender a aprender?

Eu estava procrastinando por um tempo neste projeto. Está na minha lista de tarefas há meses . E eu sempre encontrava uma desculpa para não fazer isso. No entanto, ele estava perto do meu coração. Eu realmente queria fazer isso.

E então um dia eu me cansei de afastá-lo. Eu me perguntei: 

Por que não consigo entrar?

Fiquei chapado com minhas desculpas e tentei descobrir o que estava me fazendo procrastinar . Ao me questionar, percebi que, se eu tinha tanta dificuldade em agir, era porque esse projeto me intimidava e eu achava que não era capaz de fazê-lo.

Mas por que eu não achava que podia? 

Porque me senti diante de uma gigantesca montanha de trabalho impossível de superar. 

Sabendo disso, dividi meu projeto em pequenos passos para descobrir o que havia de tão intransponível nessa tarefa. Ao fazer este exercício, percebi que este trabalho estava realmente ao meu alcance e que tudo o que eu precisava era de um pouco de bom senso para fazê-lo funcionar. 

Isso me motivou a concluir uma primeira etapa, depois outra e mais outra… e em poucos dias meu projeto foi lançado. 

Sem saber, acabei de resolver meu problema de procrastinação graças à metacognição .

O que é metacognição?


A metacognição foi popularizada na década de 1970 pelo psicólogo americano John Flavell, mas o conceito remonta a muito mais tempo. Aristóteles já falou sobre isso em Parva Naturalia 1 .

A metacognição refere-se à ideia de pensar sobre nossos próprios pensamentos ou aprender a aprender . É a capacidade de controlar nossos processos de pensamento por meio de diferentes estratégias. É observar nossas forças e nossas fraquezas. Em suma, é ganhar altura em nosso raciocínio e nossas emoções para melhor nos entendermos, aprendermos, memorizarmos e decidirmos.

Minha história sobre procrastinação é um exemplo perfeito de metacognição. Questionando-me, pensei sobre meus pensamentos. Eu me perguntava por que eu continuava adiando meu projeto até o dia seguinte. Por que eu estava intimidado por este e eu tinha uma boa razão para estar. É tomando a altura de meus pensamentos e minhas emoções, que eu fui capaz de superar meu bloqueio e agir.

A metacognição ajuda a superar bloqueios, mas também oferece muitos outros benefícios.

rapaz com livros
rapaz com livros

Os benefícios da metacognição

A metacognição melhora o aprendizado

Quando aplicamos estratégias como autoconsciência e autocontrole, aprendemos melhor porque nos autoanalisamos. Estudamos nossa maneira de raciocinar e memorizar, o que nos ajuda a encontrar melhores maneiras de fazer as coisas. 

Suponha que estamos tentando lembrar datas, nomes e números. Com a metacognição, podemos descobrir que tendemos a lembrar melhor as informações quando elas são escritas ou ditas em voz alta. Saberemos então qual estratégia aplicar no futuro para memorizar melhor informações semelhantes.

A metacognição limita os vieses cognitivos 

Os vieses cognitivos são erros de raciocínio que nos impedem de ver as coisas como elas são. É essa tendência que às vezes temos de melhorar as coisas ou, ao contrário, piorá-las. Quando nos interessamos por um assunto, por exemplo, olhamos apenas para as informações que confirmam nossas crenças e escondemos o resto. Isso coloca muitos problemas, particularmente em nossa capacidade de raciocinar e decidir.

A metacognição é útil para limitar nossos preconceitos. Ao pensar sobre nossos pensamentos, somos capazes de ver como agimos quando estamos sob a influência deles e agir de acordo. Assim, quando nos interessarmos por um assunto, consideraremos as informações como um todo, inclusive aquelas que não sustentam nossas crenças. Permite-nos pensar melhor e tomar melhores decisões .

A metacognição melhora a resolução de problemas 

Quando nos deparamos com qualquer problema, a metacognição nos permite analisar nossa maneira de abordá-lo, o que nos ajuda a saber o que funciona e o que pode ser melhorado.

Pensar nos nossos pensamentos é benéfico para muitas outras coisas: produtividade , concentração , meditação , gestão das emoções… Na verdade, é útil sempre que estamos em processo de melhoria. 

Como aprender a aprender?

Defina metas inspiradoras

Para aprender a aprender, é preciso estabelecer metas inspiradoras. Ou seja, objetivos que nos fazem querer desenvolver nossa metacognição. Se não tivermos vontade, também não teremos motivação e energia para desenvolver nossas habilidades.2 .

Para saber como definir boas metas, recomendo o seguinte artigo:

Como definir metas SMART (+21 exemplos concretos)

tecnica smart
tecnica smart

Faça as perguntas certas

Para desenvolver nossa metacognição, devemos nos fazer as perguntas certas. É fazendo as perguntas certas que podemos pensar profundamente sobre o que fazemos e que somos capazes de encontrar maneiras melhores de fazer as coisas. 

Aqui estão algumas perguntas para se fazer antes de realizar uma tarefa, durante e depois.

Antes de executar a tarefa:

  • Isso soa como uma tarefa que eu fiz antes?
  • O que eu quero realizar?
  • O que devo fazer primeiro?

Durante a execução da tarefa:

  • Estou no caminho certo?
  • O que posso fazer diferente?
  • A quem posso pedir ajuda?

Após a tarefa executada:

  • O que foi bem?
  • O que poderia ter sido feito melhor?
  • Posso aplicar isso em outras situações?

Estas poucas questões permitem-nos ter um olhar crítico sobre a forma como realizamos as nossas tarefas e, assim, melhorar a nossa abordagem.

Monitore seu desempenho

Para aprender a aprender, não devemos esperar terminar uma tarefa para saber como nos saímos. Devemos também verificar se tudo está indo bem durante a execução da tarefa. 

O que isso significa concretamente? 

Bem, ao resolver um problema ou memorizar informações, por exemplo, vamos garantir que permaneçamos cientes dos processos cognitivos que estão ocorrendo quando estamos fazendo isso. Isso permite que você aprenda no momento o que funciona e melhore.

modelo de análise
modelo de análise

Peça feedback

Para desenvolver nossa metacognição, devemos aprender a buscar feedback das pessoas certas. É somente através de feedback honesto e críticas construtivas que podemos progredir.

Para obter feedback de qualidade, você precisa chamar pessoas em quem confia. Ou seja, pessoas de alto desempenho com as quais sabemos que podemos contar e que podem compartilhar suas experiências conosco. 

Depois de identificá-los, explicamos nossa abordagem a eles e explicamos como vamos aprender, memorizar ou resolver problemas. Em seguida, pedimos a eles que nos dêem seus comentários para descobrir como podemos melhorar.

Quando lhes explicamos nossa maneira de proceder, devemos fazê-lo da maneira mais honesta possível. O objetivo deste exercício não é buscar qualquer tipo de validação e muito menos tentar impressionar. 

Se explicamos nossa maneira de raciocinar a alguém, não é para mostrar o quão espertos ou sábios somos, mas para obter um feedback real que nos será útil mais tarde. É somente através de feedback autêntico que podemos progredir.

Mantenha um diário 

Finalmente, uma boa maneira de aprender a aprender é anotar regularmente nossas observações em um diário. Sempre que aprendemos algo novo sobre nossa maneira de raciocinar, pensar ou memorizar, podemos guardá-lo em um caderno para poder consultá-lo mais tarde.

Por exemplo, podemos nos fazer as seguintes perguntas regularmente e anotar as respostas em nosso diário:

  • Como eu procedi? Com o que eu comecei?
  • O que me ajudou a ter sucesso? 
  • Que dificuldades superei?
  • Como eu poderia ter feito de outra forma?
  • O que eu aprendi?

Ao anotar nossas respostas, mantemos um histórico de nosso raciocínio que pode nos ajudar a progredir.

Conclusão

A metacognição é uma ferramenta poderosa para pensar melhor, memorizar e geralmente pensar melhor. É quase uma forma de meditação que pode nos ajudar no dia a dia.

Como lembrete, aqui estão as diferentes dicas para desenvolver sua metacognição:

  • Defina metas inspiradoras
  • Faça as perguntas certas
  • Monitore seu desempenho
  • Peça feedback
  • Mantenha um diário

Notas:

  1. Metacognição
  2. 8 maneiras de desenvolver habilidades metacognitivas

Explorando o Gamebucks: Transformando Opiniões em Inovação Gamer

O Gamebucks, uma criação visionária do programador brasileiro Carlos, celebrado como o Elon Musk...

Guia Essencial para Escolher a Agência de Marketing Digital Perfeita para o Seu Negócio

O marketing digital tornou-se uma ferramenta indispensável para empresas que buscam se destacar no...

Técnico Mecânico Hidráulico: Um Guia Completo Sobre a Profissão

A carreira de Técnico Mecânico Hidráulico é uma das mais fundamentais no setor industrial...